Amanhã, bem de manhã
Vou sair caminhando ao léu
Só vou seguir na direção de uma estrela que eu vi no céu
Pra que fingir que não devo ir
Caminhos me levem aonde quiserem
Se meus pés disserem que sim

Vejo alguém seguindo além
Eu aceno com meu chapéu
Pois tanto faz donde ele vem
Pode ser algum menestrel
Que vai e vem
Sempre sem ninguém
Caminhos te levem aonde puderem
Se teus pés quiserem assim

Mesmo me afastando de você
Sei que não te deixo me esquecer
Mas tente compreender minhas razões

Já faz um tempo em que eu vivi feito linha de um carretel
Olhei em volta então me vi
Prisoneiro de um anel
Não resisti, foi bem melhor partir
Perigos me esperam
Abrigos não quero que meus pés decidam por mim

Mesmo me afastando de você
Sei que não te deixo me esquecer
Mas é nosso dever fazer canções

Discover more inspiring photos like this one.

Download the FREE 500px app Open in app