Robson Luz

34 anos, muito bem casado, brasileiro, meio japa, analista de infraestrutura, meio nerd.

Fã de automobilismo, futebol, video game desde garoto. Fã de tecnologia e fotografia depois de crescido, mas com a mesma alma de garoto.
Observador atento de coisas, pessoas e fatos, tudo que a lente for capaz de captar.
Um flaneur contemporâneo de Baudelaire.